Roma: Crianças portuguesas vão encontrar-se com o Papa e cantar pela paz

Iniciativa inserida no 40.º congresso internacional dos Pueri Cantores


Cidade do Vaticano, 30 dez 2015 (Ecclesia) – Dezenas de crianças portuguesas vão encontrar-se com o Papa em Roma e cantar pela paz, no dia 1 de janeiro, numa iniciativa inserida no 40.º congresso internacional dos Pueri Cantores.

De acordo com o serviço informativo da Santa Sé, os mais novos integram um contingente de “sete mil crianças e adolescentes de 18 países do mundo” que estão a participar no evento, na capital italiana.

O presidente da Federação Internacional “Pueri Cantores” fala num “canto de esperança, porque os jovens são o futuro da Igreja”.

Os representantes portugueses, como indica um cartaz publicado pela Embaixada Portuguesa junto da Santa Sé, vieram de dioceses como Lisboa, Porto e Santarém.

Destaque para a participação dos “Pequenos Cantores dos Jerónimos” e os “Pueri Cantorum Associação Cultural”, ambos do Patriarcado de Lisboa; dos “Pueri Cantores S. Cristóvão de Ovar”, da Diocese do Porto; e dos “Schola Cantorum”, da Diocese de Santarém.

Na terça-feira, as crianças portuguesas cantaram na Basílica de São Lourenço, em Roma, numa Missa presidida pelo padre Joaquim Ganhão, e concelebrada pelo cónego José Manuel dos Santos Ferreira, que foi seguida de concerto.

A Federação Internacional “Pueri Cantores” foi reconhecida juridicamente pela Santa Sé em 1965 mas a sua história começou a ganhar forma em 1947, em França, impulsionada pelo padre Fernand Maillet, diretor dos Pequenos Cantores da Croix de Bois.

O organismo, que tem como padroeiro São Domingos Sávio, tem como principal missão cantar a paz e difundir a música como forma de aproximação e de louvor a Deus.

Em Portugal, há cerca de um ano foi criada uma federação nacional de “Pueri Cantores” que tem procurado agregar os vários coros católicos, infantis e juvenis, espalhados pelo território.

News.va/JCP

Fonte: Agencia Ecclesia